Taos é o primeiro modelo ‘5 estrelas’ no novo protocolo do Latin NCAP

Taos é o primeiro modelo ‘5 estrelas’ no novo protocolo do Latin NCAP

6 de dezembro de 2021 0 Por dokar

São Bernardo do Campo (SP) – A Volkswagen é a primeira montadora a obter nota máxima em segurança no novo protocolo de testes do Latin NCAP (2020-2024), que avalia o nível de segurança entregue pelos veículos vendidos na América Latina e Caribe. O SUVW Taos conquistou cinco estrelas em todos os requisitos avaliados pelo instituto, considerando a proteção a adultos, crianças e pedestres, além dos sistemas de assistência ao condutor. Os resultados alcançados são válidos para todas as versões do Taos produzidos na Argentina e no México.

O Taos foi desenvolvido com base na plataforma MQB, que lhe atribui uma excelente performance estrutural nas avaliações de crash tests e é equipado com diversos assistentes de condução de última geração, tendo como destaque o sistema de Controle Adaptativo de Cruzeiro (ACC) com Stop & Go, o sistema de Frenagem Autônoma de Emergência (AEB) com detector de pedestres, Detector de Ponto Cego e Assistente de Manobra, que alerta o condutor caso um outro veículo esteja se aproximando.

O modelo conta ainda com dois itens exclusivos no segmento: Detector de fadiga (sistema monitora a forma de dirigir e emite um aviso sonoro e visual, caso o motorista apresente sinais de cansaço) e Sistema de frenagem pós-colisão, que freia o veículo automaticamente após uma primeira colisão, evitando assim colisões simultâneas.

Adicionalmente, fazem parte da lista de itens de segurança 6 airbags, sendo 2 frontais, 2 laterais e 2 de cortina, Controle eletrônico de estabilidade (ESC) e de tração (ASR), Alerta sonoro e visual de não utilização dos cintos de segurança dianteiros e traseiros.

O modelo também é equipado com os sistemas ISOFIX® e top-Tether, que garantem mais segurança e facilidade para fixação e instalação de cadeirinhas infantis, assegurando uma excelente proteção às crianças.

A Volkswagen utilizou robôs de última geração no desenvolvimento do Taos, que garantiram precisão nos testes de tecnologias de segurança, como ACC e AEB, para que estas funções atendessem aos mais elevados níveis de exigência.

Testes rigorosos

O novo protocolo do Latin NCAP (2020-2024) é divido em 4 grupos de avaliação, sendo eles, Proteção aos Ocupantes Adultos, Proteção aos Ocupantes Crianças, Proteção aos Pedestres e Sistemas de Assistência ao Condutor, e a nota geral é definida pelo menor índice entre os 4 grupos.

No grupo de Proteção aos Ocupantes Adultos, são realizados ensaios que englobam uma série de requisitos de segurança e performance biomecânica, através de impacto frontal a 64 km/h contra uma barreira deformável com 40% de sobreposição da frente do veículo , impacto lateral (contra uma barreira deformável montada em um trenó a 50 km/h contra o veículo) e impacto lateral contra poste ( o veículo é lançado lateralmente a 29 km/h em direção a um poste). Além disso, é verificada a frenagem autônoma de emergência até 50 km/h (situação de trânsito urbano), avaliação do efeito chicote na coluna cervical (whiplash), integridade do sistema de combustível e adicionalmente a folha de resgate para o corpo de bombeiros, indicando os pontos corretos de corte da estrutura.

No grupo de Proteção aos Ocupantes Crianças, a avaliação é realizada com base na performance nos impactos frontal e lateral. Adicionalmente são avaliados os itens de proteção as crianças presentes no veículo, além da facilidade e segurança na instalação de cadeirinhas infantis.

No grupo de Proteção aos Pedestres, são avaliados os índices de lesão nas pernas, na região pélvica e na região da cabeça, englobando crianças e adultos durante testes de impacto na região frontal do veículo. Outro requisito avaliado para a proteção a pedestres é o acionamento da frenagem autônoma de emergência para pedestres, avaliando a performance de frenagem executada de forma autônoma.

No grupo de Sistemas de Assistência ao Condutor, são avaliados a performance de dispositivos, como por exemplo, alerta de utilização dos cintos de segurança dianteiros e traseiros, controle eletrônico de estabilidade, limitador de velocidade e frenagem autônoma de emergência até 80 km/h (situação de transito interurbano).

Sobre o Latin NCAP

O Latin NCAP (New Car Assessment Program) é um programa independente de avaliação de carros novos para a América Latina e Caribe. Em parceria com organizações internacionais como Global NCAP, FIA (Federation Internationale de l’Automobile), FIA Foundation, ICRT (International Consumer Research & Testing), e o apoio do BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento). O Latin NCAP tem como objetivo oferecer aos consumidores da América Latina e Caribe as avaliações independentes e imparciais de segurança dos carros novos, divulgando os resultados de acordo com os protocolos vigentes durante a avaliação.